Fundações em Estacas Hélice Contínua Monitorada



Somos uma empresa de engenharia com dedicação exclusiva a geotecnia de fundações. Realizamos investigações geotécnicas como sondagens a tradopercussãomista e rotativa e fundações especiais como estacas escavadastubulõesestacas pré moldadas, metálicas e estacas hélice contínua monitorada.

Nossa missão é fornecer parâmetros geotécnicos e executar fundações utilizando-se de solido conhecimento acadêmico e experiência de campo. Já são mais de 300 mil metros de investigações geotécnicas e 2 milhões de metros de fundações executadas para clientes como:  Pepsi, Petrobras, Elma Chips, MRV, Nestle, Carpathian Gold, Vale FCA, Novo Nordisk, Grupo OHL, Grupo Vitória da União, Isolux, Rima, CNH - Case New Holland, Planex, Grupo ARG, Hipolabor, Itaipu Scania, Mart Minas, etc.

Nossa experiência acadêmica é garantida pelo nosso  R.T e sócio fundador, que é professor universitário da disciplina de fundações no curso de Engenharia Civil do Pitágoras.


Elemento de fundação que transmite a carga ao terreno ou pela base (resistência de ponta) ou por sua superfície lateral (resistência de fuste) ou por uma combinação das duas, devendo sua ponta ou base estar assente em profundidade superior ao dobro de sua menor dimensão em planta, e no mínimo 3,0 m. Neste tipo de fundação incluem-se as estacas em hélice contínua monitorada.

ESTACA HÉLICE CONTÍNUA MONITORADA

A estaca hélice contínua monotirada, também conhecida como estaca hélice ou apenas hélice contínua é uma estaca de concreto moldada in loco, executada mediante a introdução, por rotação, de um trado helicoidal contínuo no terreno e injeção de concreto pela própria haste central do trado simultaneamente com a sua retirada, sendo que a armadura é introduzida após a concretagem da estaca.


Estacas executadas preenchendo-se, com concreto ou argamassa, perfurações previamentes executadas no terreno. As estacas do tipo hélice contínua são também moldadas in loco.

LIMITES ACEITÁVEIS DE EXCENTRICIDADE DE EXECUÇÃO

Face as características executivas dos diversos tipos de fundações, excentricidades são inevitáveis. Quando forem projetadas estacas do tipo hélice contínua isoladas, elas devem ser estruturalmente dimensionadas para suportar todas as excentricidades das cargas aplicadas e também excentricidades executivas previamente estimadas cujo valor dependa de cada tipo de estaca ou equipamento. Devem ser verificados os deslocamentos e tensões horizontais no solo.

ELEMENTOS ISOLADOS OU ALINHADOS

Para estacas hélice contínua de qualquer dimensão, é aceitável, sem qualquer correção adicional, um desvio entre o eixo da estaca e o ponto de aplicação da resultante das solicitações do pilar de 10% da menor dimensão da estaca.

CONJUNTO DE ESTACAS

São toleradas, em estacas hélice contínua, sem necessidade de correção, excentricidades de até 10% do diâmetro das estacas do conjunto. Aceita-se sem correção um acréscimo de até 15% sobre a carga admissível ou carga resistente de projeto.

DESAPRUMO DE ESTACAS

Não há necessidade de verificação de estabilidade e resistência, nem de medidas corretivas para desvio de execução das estacas hélice contínua, em relação ao projeto, menores que 1/100.

DIMENSIONAMENTO ESTRUTURAL – ESTACAS DE CONCRETO MOLDADAS IN LOCO

As estacas hélice contínua quando solicitadas a cargas de compressão e tensões limitadas a 5 ou 6 mpa, (dependendo do tipo de estaca), podem ser executadas em concreto não armado, exceto quanto a armadura mínima de ligação com o bloco. Estacas ou tubulões com solicitações que resultem em tensões superiores devem se dotadas de armadura que deve ser dimensionado de acordo com a ABNT NBR 6118.

A resistência característica do concreto fck deve ser aplicado um fator reduto de 0,85, para levar em conta a diferença entre os resultados de ensaio rápidos de laboratório a resistência sob a ação de cargas de longa duração.


PERFURAÇÃO: O equipamento de escavação para estaca hélice contínua deve ser posicionado e nivelado para asseguar a centralização e verticalidade da estaca. O diâmetro do trado contínuo deve ser verificado para assegurar as premissas de projeto. A haste hélice contínua é dotada de ponta fechada por uma tampa metálica recuperável. A perfuração da estaca hélice se dá de forma contínua por rotação, até a cota prevista em projeto. Dai sua designação hélice contínua. As estacas hélice contínua possuem um ferramenta chamada de prolonga onde só é permitido o uso em condições especiais onde o solo se mantenha estável no trecho do prolongador.

CONCRETAGEM: Nas estacas hélice contínua, o concreto é bombeado pelo interior da haste com sua simultânea retirada. A ponta da haste é fechada por uma tampa para evitar entrada de água ou contaminação do concreto pelo solo. Esta tampa é aberta pelo peso do concreto no início da concretagem. Como a estaca hélice contínua é monitorada por computador de bordo controla-se a pressão do concreto que deve ser sempre positiva para evitar a interrupção do fuste. A concretagem das estacas hélice contínua são feitas até a superfície do terreno.

COLOCAÇÃO DA ARMADURA: A colocação da armadura em forma de gaiola das estacas hélice contínua deves ser feita imediatamente após a concretagem. Sua descida pode ser auxiliada por peso ou vibrador. A armadura deve ser enrijecida para facilitar a sua colocação.

REFERÊNCIA NORMATIVA

NBR 6122:2010 – Projeto e execução de fundações - Procedimento
ABEF - Manual de especificações e procedimentos

EQUIPE

Engenheiro Supervisor - Contratante
Operador de máquina perfuratriz hélice contínua
Ajudantes práticos hélice contínua


Máquina perfuratriz hélice contínua
Trado contínuo
Bomba de injeção deconcreto (Contratante)
Mangueiras de acoplagem à bomba de injeção
Instrumento computadorizado de medida;
Elemento de memória
Sensores (Profundidade, Velocidade, Torque, inclinação e pressão)
Pá Carregadeira– Contratante

DIMENSÕES DE TRANSPORTE

Peso: 42.000 kg
Altura de Transporte: 3,50 m
Comprimento de Transporte: 16,50 m
Largura de transporte: 3,20 m

DIMENSÕES DE TRABALHO

Peso:54.000 kg
Altura: 29,00 m
Comprimento:6,50 m
Largura: 6,5 m
Torque: 12.000 kgf/m

CAPACIDADE

Profundidade Máxima: 20 m
Diâmetro Máximo: 0,80 m

SEGURANÇA NO TRABALHO

PPRA - Programa de prevenção dos riscos ambientais.
PCMSO - Programa de controle médico de saúde ocupacional.

DOCUMENTOS COMPLEMENTARES 
DISPONÍVEIS EM OBRA - CONTRATANTE

Projeto das fundações
Relatório de sondagens a percussão; mista ou rotativa
Desenho de locação das estacas hélice contínua
Tabela das profundidades por estaca 
Projeto das armaduras das estacas 
Boletim de controle de execução 

TABELA DE CARGA ESTRUTURAL PARA ESTACAS HÉLICE CONTÍNUA

ESTACA HÉLICE CONTÍNUA MONITORADA
Diâmetro (cm) Carga Estrutural (tf)
30 45
40 80
50 130
60 180
70 240
80 320

  Américo Martins, 70 Jaraguá II - Montes Claros - MG - CEP: 39.404-845

  PABX: 0800 033 0119